Sem internet, favela vive ‘Estado mínimo’ profundo na pandemia, aponta Instituto Locomotiva

O presidente do Instituto Locomotiva, Renato Meirelles, reafirmou nesta terça-feira (4) que a favela é o lugar no Brasil onde o “Estado é mínimo”, pela falta de acesso dos moradores a serviços básicos — uma provocação à corrente do pensamento liberal…

Link da notícia completa: https://valor.globo.com/brasil/noticia/2021/05/04/sem-internet-favela-vive-estado-minimo-profundo-na-pandemia-aponta-instituto-locomotiva.ghtml

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn